Início > Informática > Estudante recompila 35 milhões de perfis do Google e alerta a facilidade de accesso dos mesmos.

Estudante recompila 35 milhões de perfis do Google e alerta a facilidade de accesso dos mesmos.

Um estudante da Universidade de Amsterdão, de nome difícil de prenunciar – Matthijs R. Koot – levou a cabo uma curiosa experiência, com o fim de mostrar os perigos sobre a exposição de informação indexada nas páginas da Google de um determinado utilizador. Matthijs recompilou durante um mês e com um único endereço IP uma base de dados dos profiles da Google, foi mais ou menos do que 35GB de informação, onde se pode encontrar, nome, moradas de correio, conversas no Twitter ou informação biográfica e laboral dos utilizadores da rede. Matthijs guardou esta informação numa base de dados privada.

Esta experiência vai ao encontro de uma outra que se realizou no ano passado, onde um investigador demonstrou como era fácil obter 100 milhões de perfis dos utilizadores, utilizando simplesmente as suas URL’s. Isto bastou para que o maior site de rede social muda-se o seu sistema de indexação das suas páginas e assim proporcionar alguma segurança aos seus utilizadores. Claro que depois proibiram este tipo de experiencia na rede social, não ia ser que encontrassem mais alguns podres.

Não é o caso do Google, mesmo que permita escolher perfis de privacidade, permite livre acesso aos arquivos das URL’s dos perfis sim proibição. Os engenheiros da companhia não colocaram filtros que limitem o acesso aos dados, logo para Koot, foi muito fácil aceder a esses mesmos dados, o que é muito preocupante, pois qualquer pessoa pode levar a cabo uma acção similar com outros propósitos que não seja a investigação.

Em relação a esta descoberta, a Google diz que os dados são todos públicos e dão autorização para que sejam visionados, isto para ajudar criar um perfil de pesquisa de um utilizador, o que é uma desculpa muito pobre para uma companhia desta envergadura.

No entanto esta investigação, também alerta que os utilizadores coloquem filtros, para não facilitar a exposição dos seus dados. A Google dá possibilidade de termos perfis públicos e privados, é nesta ultima opção que os utilizadores se tem de apoiar, para salvaguardar a sua privacidade.

Categorias:Informática Tags: ,
  1. Ainda sem comentários.
  1. No trackbacks yet.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: